Segunda-feira, 21 de Julho de 2008

Boni(fácio) Prince Billy

 

 

Façam-me um favor. Vão ler o artigo que o João Bonifácio publica hoje no "Público" ( P 2) sobre o concerto do senhor Leonardo. Obrigado.

publicado por Nuno Costa Santos às 11:48
link do post | comentar
5 comentários:
De isa a 21 de Julho de 2008 às 14:59
faça o favor e publique-o aqui, amanhã, pra n influenciar a venda dos jornais, obrigada.
(que é feito desse senhor, que nc mais aqui pôs os pés?)
obrigada...
De f a 21 de Julho de 2008 às 16:07
Ridiculo comentário do João Bonifácio... Patético!
De Ana Matos Pires a 22 de Julho de 2008 às 01:40
Fantástico, João, lindo!

(Nuno, se quiseres vai ao 5 dias "roubar" o texto que eu roubei ao Público. Deixo o link. http://5dias.net/2008/07/22/leonard-cohen-por-joao-bonifacio/
De Gisela a 22 de Julho de 2008 às 11:16
há realmente quem precise disto para viver...de lamentar é que Jornais como o Público, ainda alimentem frustrações destas...o silêncio teria sido melhor!!! But he doens't care about the music!!!
como fã incondicional, e conhecedora da grande obra do grande Sir Leonard Cohen, com poemas a serem leccionados na Universidade do Canadá, vai ser com um imenso prazer que responderei a este artigo de opinião no meu blog esta noite, afinal, vivemos numa "democracia" que cada um diz o que lhe vai nas ganas!!!
So Long!!!!
De inês subtil a 22 de Julho de 2008 às 15:00
boa boa. adoro uma boa polémica. li o artigo do JB e apesar de ter estado no concerto e de ter sido provavelmente o melhor concerto da minha vida, o mais emotivo, o mais tudo e tudo, concordo com muito o que está escrito no artigo. e provavelmente gostei pelas mesmas razãoes q o jb detestou, por isso considero um excelente artigo. o senhor cohen não "foi lá enganar ninguém". gostei da direcção musical, que lembra alguns temas pirosos do senhor julio iglésias (vá-se lá saber pq, mas eu deste n gosto). gostei de ver um cohen não-depressivo, para mim cohen nunca foi depressivo, nunca tive vontade de cortar os pulsos a ouvi-lo, como muita gente diz. é um romântico-ácido. mas atingi o i'm yor man ( não sou assim tão estúpida). volta e meia leio a ipsilon e gostei muito de ler a entrevista q o jb fez à mariza. é ácido e corrosivo, mas quem quer jornalistas que abanem sempre a cabecinha? eu não:D

Comentar post

Autores

Pesquisar

Últimos posts

Contra nós temos os dias

Do desprezo pela história...

É urgente grandolar o cor...

Metafísica do Metro

A Revolução da Esperança

Autores do Condomínio

Hipocondria dos afectos

A família ama Duvall

Notícias do apocalipse

Meia idade comparado com ...

Arquivo

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

tags

todas as tags

Subscrever