Segunda-feira, 12 de Dezembro de 2011

o desgosto dos outros

Convenhamos: seria fácil zurzir o gosto nacional. O naperon no televisor, o azulejo do lado de fora de casa, os cortejos carnavalescos seminus em pleno Inverno, a praia artifical de Mangualde com o horizonte pintado num cartaz, isso tudo. Não somos “junk”, como diz a Moody’s; somos kitsch. Autêntico, inofensivo, vaidoso kitsch.

O que há de lamentável no gosto português não é isso, mas alguns portugueses. Aqueles que se julgam bafejados por um sopro divino que os deixou acima da criação. Que sentenciam qualquer conversa com o fatal “só neste país”.

Esta espécie cretina não escolhe classes sociais. Encontra-se tão facilmente em táxis como vernissages. Distingue-se pelo discurso bilioso, descrente, incapaz de uma só ideia. Nunca sai derrotada porque nada defende e, como nada defende, não pode ser atacada.

Mal-amados, rancorosos, protagonistas da própria farsa, os portugueses-que-não-gostam-que-esse-facto-se-saiba citam um único português: o cosmopolita Eça. Pena o ego toldar-lhes tal modo a visão que jamais percebam quanto se divertiu Eça caricaturando-lhes os antepassados.

Condenados a viver entre os simplórios compatriotas, dão-lhes o que têm de melhor: a mesma azia que, um dia, os há-de levar. Nessa altura, o país que odiaram repetirá os elogios fúnebres do costume, concluindo, inevitavelmente, ter ficado mais pobre.

É que, debaixo dos adereços foleiros, conservámos as boas maneiras de velhos senhores e criados. Protegemos os nossos, sobretudo os fracos.

 

Publicado na The Printed Blog #1.

publicado por Alexandre Borges às 07:53
link do post | comentar
3 comentários:
De ricardo correia a 12 de Dezembro de 2011 às 12:21
muito bom, alexandre, gostei muito. luto por conseguir tão conciso e certeiro
De ricardo correia a 12 de Dezembro de 2011 às 12:23
adenda à frase preguiçosa anterior: "luto para conseguir ser tão conciso e certeiro"
De Alexandre Borges a 12 de Dezembro de 2011 às 18:54
Muito obrigado, Ricardo. Não foi da preguiça; foi excesso de concisão... Forte abraço!

Comentar post

Autores

Pesquisar

Últimos posts

Contra nós temos os dias

Do desprezo pela história...

É urgente grandolar o cor...

Metafísica do Metro

A Revolução da Esperança

Autores do Condomínio

Hipocondria dos afectos

A família ama Duvall

Notícias do apocalipse

Meia idade comparado com ...

Arquivo

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

tags

todas as tags

Subscrever